terça-feira, 4 de janeiro de 2011

Retrospectiva - Em busca do melhor fim de ano de todos os tempos




Retrospectiva - Em busca do melhor fim de ano de todos os tempos




Todo fim de ano é assim: Montamos um quebra- cabeças de sentimentos e tentamos completar o jogo antesda contagem regressiva para o próximo ano que está por vir. Fazemos juramentos, promessas, é como se fosse uma espécie de "remissão de pecados", ficamos tão cristãos e supersticiosos.Choramos, ligamos pra aqueles que não víamos há muito tempoe prometemos pra nós mesmos "Não, no próximo ano tudo será diferente."Enfim,quer situação mais visceral do que sentir que o ano está acabando e que chegará um novo ano com novas situações, novas pessoas, novas descobertas...


Ah, o novo... Lidar com o desconhecido gera total desconfiança, e como o ser humano já é meio descrente mesmo, acaba se agarrando a superstições que ganham tanta vida com a chegada do Ano Novo.Seja uma cor de roupa, um corte de cabelo,um gesto de fé ou até mesmo a forma de segurar uma taça de champangne. É, acredite, tudo caminha por osmosequando se trata de trazer novos " fluidos"pra nossa vida. Particularmente, fazendo uma breve retrospectiva, tive um ano feliz pra caralho! E não me importo de usar este linguajar chulo em expressar o quanto estou feliz por ter traçadoalgumas metas e tê-las cumprido com sucesso, apesar de ter tido também dias de penumbra. Algumas surpresas pelo caminho, mas estas foram as que me fizeram acordar de verdade. Conheci muitos olhares diferentes, ouvi muita música boa, li bons livros, pude jantar em lugares incríveis e beber uma cervejinha bem gelada em botecos com aqueles " petiscos" que são a credencial de um boteco de verdade. Pude visitar lugares que há muito tempo tive vontade de ir , e sempre adiava e nem sei por qual motivo. Fiz novos amigos, ah... e que amigos! Conheci a delícia que é sentir buterflies in my stomach novamente. É o amor! E chegou de mansinho, numa boa, com um sorriso contagiante e um belo par de olhos verdes. Rs


Mas, sabe qual o melhor disso tudo? É saber que é apenas o começo. Que pessoas transitarão em nossas vidas a todo momento, e pode até ser que deixem marcas, mas com certeza também arrancarão de nossas várias gargalhadas. Saber que as coisas têm o tempo certo pra acontecer, mas que em tudo, é preciso ter bom ânimo, pois afinal, isso é o que faz toda a diferença em estar vivo, se sentir vivo!






Happy New Year!










2 comentários:

  1. Que as promessas sejam cumpridas e a felicidade seja comprida! Feliz ano novo!!!!

    ResponderExcluir


Tentar respirar, arrumar a casa. Estou bem melhor desde a última vez em que tentei. Yeah!

Viva e deixe-se viver!

Viva e deixe-se viver!
" Fora do fluxo normal das coisas.Como deveríamos ser. Sem regras. As coisas apenas são o que são.O que as tornam irremediáveis é o tamanho que nossos olhos querem projetar..."